FUNDAÇÃO


O concelho de Viana do Castelo é terra de seculares tradições agrícolas, de festejos e romarias que sempre animaram esta encantadora região, incutindo na população o hábito das danças e dos cantares, facto que contribuiu para o crescimento e multiplicação desta semente cultural, traduzida na expressão popular que é o folclore.

Assim, a 22 de fevereiro de 1985, com o intuito de dar a conhecer os usos e os costumes deste povo, no respeito integral dos seus mais elementares princípios sociais e culturais nasce, informalmente, com a designação de Grupo Teatral de Danças e Cantares de Perre, esta coletividade, assumindo-se como um dos grandes defensores e promotor dos valores culturais da área geográfica que representa.

fundação grupo danças cantares perre viana do castelo

Na ata da Fundação pode ler-se o seguinte:
"Depois de representarmos dois espetáculos (12/10/84) e (19/2/85) verificamos que temos boas condições para continuar, devido ao bom entendimento que existe entre os componentes e a aceitação que tivemos por parte dos espetadores.(...)
1 - O grupo pretende não deixar morrer no esquecimento o património cultural característico da freguesia;
2 - Pretendemos ser um grupo responsável, devidamente organizado onde todos nos sintamos bem, em espírito de serviço comunitário;
3 - Desenvolveremos a cultura, principalmente nos jovens ocupando-lhes os tempos livres;
4 - O grupo está empenhado em oferecer à comunidade horas de distração sadia."

Nove anos após esse primeiro marco da vida desta associação - em 1994 – foi a mesma legalmente constituída, com escritura notarial de 3 de julho desse mesmo ano de 1994, tendo adotado a designação de Grupo de Danças e Cantares de Perre. De acordo com despacho publicado no Diário da República, nº 281, II série, esta associação foi então reconhecida como pessoa coletiva de utilidade pública.
Desde então, com o ânimo cada dia renovado, nunca parou, desdobrando-se em trabalhos de investigação e recolha, a par das brilhantes representações em festas, romarias e festivais de folclore, entre outros convívios. Graças ao seu dinamismo e qualidade dos trajes, das músicas e das danças, foi ganhando prestígio e sendo requerido um pouco por todo o país, marcando também presença em diversos países da Europa e América.

fundação grupo de danças e cantares de perre viana do castelo

Atualmente o Grupo de Danças e Cantares de Perre é uma associação cultural que preserva e divulga as tradições, usos e costumes do povo desta bonita freguesia vianense relativos aos finais do Séc. XIX, inícios do Séc. XX, procurando reproduzir fielmente a época ao nível das cantigas, das danças e dos trajes.

Ao longo dos primeiros anos a sede social do grupo funcionou na residência da sua primeira diretora, D. Judite Cardoso, onde também se realizavam os ensaios que, pouco tempo decorrido passaram a ter lugar no Salão Paroquial desta freguesia de Perre. Hoje em dia, esta Associação possui sede social própria, situada no lugar de Vila Meã onde desenvolve diversas atividades que envolvem não só gente de Perre como de outras terras vizinhas.

Grupo de Danças e Cantares de Perre © Todos os direitos reservados